domingo, 21 de novembro de 2010

Resenha - A Guardiã Da Meia-Noite

    A Guardiã da Meia-Noite, um livro de Sarah Jane Stratford, é um livro sobre vampiros, que se passa durante a Segunda Guerra Mundial. Conta a história de Brigit, uma bela vampira já milenar que, junto com um grupo de vampiros milenares, é convocada a acabar com a ação Nazista. O motivo principal disso é que, além de caçarem os vampiros, se houvesse uma guerra, os vampiros também seriam prejudicados, pois haveriam muitas mortes, com isso, haveriam menos humanos para se alimentares. Sendo assim, Brigit tem que se despedir de seu grande amor, Eamom, pois ele ainda não se tornou um vampiro milenar, e entrar de cabeça nessa perigosa missão, sem ter idéia de quando voltaria para casa.
    Nessa missão, Brigit, Mors, Meagan, Swefred e Cleland tem de se infiltrar no meio de todos os Nazistas, fingindo serem humanos, e tentar descobrir os planos do Füher, para então construir um plano que acabe com o progresso dos Nazistas, e isso tudo a partir do entardecer, e antes da manhã chegar.
    Nesse livro, além de você ficar super envolvido na história, tentando saber qual o fim dessa viagem, você ainda morre de curiosidade para saber o que seria a misteriosa carga que a poderosa guardiã milenar carrega ao longo da história. Além disso, em todo o livro você vai descobrindo sobre a vida de Brigit, sobre como ela levou esse nome, e o quão poderosa ela é, apesar de não parecer.
    Algo interessante desse livro é que ele leva muitos fatos verídicos, e o livro não é contado em uma ordem certa, e sim numa ordem que carregue todo o mistério do início ao fim. Sem contar que acaba de uma vez com essa moda de novos vampiros, porque esses vampiros não andam ao sol, não tem reflexo no espelho e não tem dó de se alimentar de nós, pobres e indefesos humanos.

Características do Livro
Autor: Sarah Jane Stratford
Título Original: The Midnight Guardian
Título Português: A Guardiã da Meia-Noite
Ano: 2009/2010
Editora: Planeta do Brasil
Número de Paginas: 336

3 comentários:

  1. Parece ser bacana, eu gostei *-* to querendo ler a algum tempinho e essa resenha me deixou com mais vontade de ler. adorei a resenha.
    Beijos, Vanessa.
    thisadorablething.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pela resenha Bruno! Já li A Guardiã da Meia Noite e achei ótimo! Uma história super original!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. Gostei da sua resenha, parece realmente um bom livro. Gosto muito de ficção que envolve a 2ª guerra.
    Beijos
    Zoe, De Fatto & Três Lápis

    ResponderExcluir